Artistas unem-se contra a Galp: denunciam “nova forma de colonialismo” – Executive Digest

Artistas de países de língua oficial portuguesa estão a preparar um festival de música online que tem como ponto de partida um acto de contestação. Os participantes pretendem denunciar aquilo que consideram ser “uma nova forma de colonialismo” por parte da Galp, que estará a contribuir para o agravamento da crise climática.

O festival Galp Must Fall Live terá lugar na próxima sexta-feira, dia 24, durante a Assembleia-Geral de Accionistas da energética. Estão previstas três horas de concertos e conversas nas páginas de Instagram da Greve Climática Estudantil e da 2degrees artivism – Bergalgo (Portugal), TRKZ (Moçambique), Nitry (Cabo Verde) e Djucu Dabó (Guiné-Bissau) são alguns dos artistas emergentes confirmados.

Lê a notícia completa no Executive Digest aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *